4 de mar de 2013

DOBRADINHA COM LEGUMES


















Alguns gostam deste tipo de comida, e outros detestam até o cheiro. Mas, para quem aprecia é um prato muito apetitoso. Esta é a minha receita:

2 quilos de dobradinha (Gras-double / Tripe)
Suco de 1 limão grande
5 batatas (tipo inglesa) descascadas e picadas
2 cenouras limpas e picadas
1/4 xícara de óleo
Sal, pimenta
Cheiro verde picado
1 ou 2 litros de água ou caldo de carne
5 tomates sem peles e sementes, picadinhos
2 cebolas picadas
2 dentes de alho picadinhos
Algumas azeitonas
Queijo parmesão ralado, para polvilhar (opcional)
PREPARO:
Lave a dobradinha, retire o excesso de gordura e lave-a novamente. Coloque-a numa grande bacia com água e o suco de limão (inclusive, a casca também) e deixe por umas 4 horas, ou mais. Então, lave-a bem e passe-a pelo escorredor, despreze a água e cascas do limão. Pique a dobradinha em cubos ou tirinhas, como você desejar. Coloque-a na panela de pressão (a minha tem capacidade para 7 litros), cubra-a com água fria ou caldo suficiente e leve ao fogo para cozinhar, uma hora mais ou menos, após abrir fervura. A carne deve estar macia, senão, cozinhe mais um pouquinho até amolecer.
Em outra panela, doure o alho no óleo e refogue a cebola. Junte os tomates e refogue mais um pouco. Adicione a dobradinha já cozida, sal, pimenta, cheiro verde, batatas, cenouras e azeitonas, deixando cozinhar até que amoleça os legumes e que o caldo engrosse. Está pronto! Sirva quente, com arroz branco e, se gostar, polvilhe queijo por cima. 

5 comentários:

Nadji disse...

Je fais partie des gens qui aiment. Quand les tripes sont bien préparées, elles sont délicieuses.
A bientôt

Alexandra Abarca disse...

Hola:

Vieras que solo como este platillo una vez al año y que lo prepare mi mamá.

Gracias por compartir la receta.

Un abrazo,

Ale
Costa Rica

Gracy disse...

humm q delicia, to aqui com agua na boca..vou fazer..bj

RosaMaría disse...

Rico, rico... me encanta el mondongo, que así se llama por aquí, fácil y delicioso. Gracias y besos.

Viki disse...




Cozinhamos as entranhas do guisado na Hungria em nós, e se puder ser, então que verdadeiro, aquele exterior no jardim em um caldeirão.
Os rapazes e um dos meus netos como as entranhas guisam-se muito na nossa família. Cozinho-o só, mas eu não gosto dele :) :)

--------------
http://vikkokucko.blogspot.hu/2011/09/bogracsban-vagy.html
-----------------
Soli! um abraço para voce